O npm vem refletindo muito sobre os desafios do open-source, especialmente para a comunidade JavaScript. Em artigo publicado recentemente, a equipe traça cenários e defende caminhos a serem seguidos para fomentar o ecossistema. Diante de tudo o que observa, decide que a melhor forma de continuar colaborando é lançar uma plataforma de financiamento para projetos de código aberto – o que ocorrerá ainda este ano.

Foram identificados três sintomas:

1) plataformas de financiamento devem facilitar a viabilidade de projetos sem muita intromissão no desenvolvimento

2) o financiamento apenas de projetos com grande visibilidade não é suficiente, já que o ecossistema é todo interconectado

3) grandes consumidores (especialmente empresas) não estão comprometidos de forma significativa para que os projetos open-source sejam monitorados e medidos

A equipe do npm reconhece que há um amplo entendimento sobre os benefícios comerciais da sustentabilidade financeira do trabalho com código aberto, e também uma dependência significativa dele, mas ainda assim falta engajamento das grandes corporações. O efeito disso é que experimentos anteriores foram considerados ineficazes depois de terem sido distribuídos de forma equivocada.

“A npm, Inc. está posicionada de maneira única para enfrentar esses desafios e garantir uma abordagem justa e colaborativa ao financiamento de mantenedores de código aberto”, diz o artigo.

O npm se posiciona como essencial para o ciclo de vida do desenvolvimento em JavaScript, já que se propõe a facilitar que os consumidores financiem editores que precisam de suporte – sem recorrer a soluções que interrompem fluxos de trabalho e desenvolvimento. Além disso, garante ter uma visão clara sobre todas as dependências de um sistema, mesmo que o desenvolvedor esteja ciente apenas das dependências de nível superior. Por fim, sustenta que também consegue identificar com precisão a extensão de dependências necessárias para uma companhia.

A equipe está mobilizada há alguns meses para viabilizar o lançamento da plataforma. Também houve melhorias nas políticas da empresa para preencher algumas lacunas e aumentar a capacidade de continuar a missão (que, vale lembrar, é garantir a sustentabilidade do ecossistema JavaScript de código aberto).

“Estamos prontos para convidar os colaboradores mais ativos da comunidade e os maiores consumidores corporativos de código aberto para um grupo de trabalho para finalizar a plataforma”, sugere o artigo. 

Ficou interessado? O foco está principalmente em quem faz parte de organizações que consumam muitos pacotes e queiram financiar colaboradores. O contato é pelo e-mail funding-contributors@npmjs.com.

Não esqueça de nos contar como foi!

Autor(a)

Time de redação de conteúdos exclusivos da BrazilJS.
É um time diverso, focado e dedicado a trazer o melhor do mundo da Tecnologia e Desenvolvimento Web com a curadoria BrazilJS.