Microsoft anuncia experimento que permite rodar aplicações .NET no navegador

A Microsoft anunciou, na última semana, um projeto open-source muito interessante, o Blazor.
O Blazor é um framework experimental que utiliza C#, Razor e HTML, e roda no navegador via WebAssembly.
Que sopa de letrinhas, não?! Então, vamos por partes.

Basicamente, a ideia do projeto é possibilitar a criação de aplicações Web de forma rica, utilizando o ecossistema já existente na plataforma .NET.
Outro objetivo da Microsoft com o projeto é o de facilitar o desenvolvimento para pessoas já familiarizadas com o .NET.
Já vimos essa história em outros momentos, porém o Blazor parece ser um pouco diferente, até mesmo pela posição atual da empresa nos últimos anos.
Para começar, o projeto é open-source, o que já é algo bem relevante.
Outro fator importante é que o Blazor é baseado em tecnologias abertas da Web – não existe a necessidade de plugins proprietários ou coisas do tipo.
O Blazor também entra na lista de projetos inovadores criados pelo advento do WebAssembly.
O WebAssembly, ou somente wasm, é um novo formato, portável, leve e com tempo de carregamento eficiente, adequado para compilação na Web.
Para saber mais, leia o artigo Iniciando com WebAssembly – Parte 1 aqui no portal.

Algumas das funcionalidades do Blazor:

  • Component model para criação de UI
  • Routing
  • Layouts
  • Forms e validation
  • Dependency injection
  • JavaScript interop
  • Live reloading
  • Server-side rendering
  • .NET debugging no navegador e na IDE
  • Rich IntelliSense e tooling
  • Retrocompatibilidade (non-WebAssembly) via asm.js

O projeto ainda está em fase inicial e experimental, mas parece ser muito promissor.
Aqui tem uma aplicação demo.

Blazor demo

E aí, o que achou do projeto?


BrazilJS é uma iniciativa NASC